31.7.08

Participe!


Já tem muita gente confirmada, lá
no Síndrome de Estocolmo.

É um belo tema para se pensar, debater, incentivar...

É que um carinho às vezes cai bem

♬ ♪ ♩ ♭ ♪ Das coisas que têm me deixado feliz (VI)...

Receber mensagens assim:
(Não são comentários, aqui, do blog.)

"Oi Ana!!! Sou de Pelotas; Adorei tanto seu blog, que resolvi lhe enviar esta mensagem, que álias só descobri por acaso pois estava buscando site de artesanato, e me perdi olhando. AMEIII de coração, acho que vai virar vício, pois suas palavras e fotos são lindas, não pare nunca com seu blog. Um abraço..."

"Procurando assuntos sobre Lavras, encontrei o teu Blog... Parabéns! Por favor, não pare nunca de escrever sobre vc e sobre Lavras... Sua inspiração tem muita riqueza... Parabéns!"

"Ana querida!!
Passei praticamente à noite toda lendo e revirando teu Blog! É fantástico ver tanta gente linda e querida, conhecidos e desconhecidos, que fazem parte de tanta coisa...uma vida incrível! Histórias que reportam a uma época tão feliz! Eu nunca imaginei que sentiria algo assim, um mistura de orgulho, emoção e paz com tanto amor explícito, tá na cara, se posso dizer assim. És uma pessoa LINDA, e transmite isso!! Amoooo tudo isso...Bjão!!!"

"Adoro!!!!!! A maneira como tu transmite tudo é muito lindo.....
Esse blog ainda vai virar um livro!!!!!!
Esta comunicação mesmo distante e virtual, me torna mais próxima de pessoas que quero bem, trazendo, para o cotidiano da vida, luzes e cores, com noticias ora alegres, tristes, novidades, carinho, atenção, solidariedade, enfim, tudo aquilo que tu passas e que faz bem ao coração!!!!!!
1000 bjos para todos voces, muita saúde, paz e felicidade sempre!!!!!"

"Eu aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaamo o teu blog!!!!! É um ponto turístico virtual, uma das oito maravilhas da internet moderna!!!!!!!! Mazáááááá!!!!! Beijos e beijos!"

"Em um primeiro oásis de férias, procurando algo sobre Rio Branco, encontrei a tua sensível alma escrita, vasculhando em mim uma imagem antiga de um amor passado desta terra (Pelotas ) que foi tão minha. Obrigada."

"
Fiz contato contigo há um tempo atrás por acidentalmente, te encontrar na rede e por seres irmã do Pigue e filha do seu Donairo. Quando quero saber de Lavras, acesso e me delicio. Parabéns. Em janeiro estive na Lavrinha, deu para bater um papo com meu amigo Tóti e rever o Cássio Bicudo e Large. Saí de lá fugido, não dava prá ficar pelos compromissos, mas retomei minha vida um pouco mais feliz. Adoro aquele pedaço. Fui muito feliz lá. Tão tá... Desculpa a invasão, mas vou continuar acompanhando teu talento e me atualizando da vida daquele pequeno/grande torrão que é a Pepita do Grande."
.
Aproveito para agradecer os comentários e dizer para quem deixa comentário, que a única forma de responder é na própria caixa de mensagens! Quando o comentário é Anônimo ou quando o perfil não é disponível eu fico morrendo de curiosidade! Heheheh!
Na verdade, o sistema de comentários do Blogger, apesar de pedir o email de quem comenta, não dá acesso a este endereço ao dono do Blog! :(

Unhas


Para ver os detalhes, clique na foto!
.

Tem um blog que fala tudo sobre unhas: Apenas Unhas
Tenho observado minhas amigas e elas aderiram às unhas decoradas! É bonitinho!
Eu uso as minhas muuuuito curtas, porque elas quebram com a maior facilidade! Às vezes arrisco uma corzinha!
Pois é... fala-se de tudo, nesse blog (e na Internet)!! Heheheheh!
E tem um detalhe: eu costumo observar as mãos das pessoas... Sempre! E implico, dependendo da mão... Isso é normal?? Oh, céus!

As legítimas!

Férias, nas Cordilheiras: eu (com 6 anos), minha avó Electra (com óculos de gatinho), no colo dela meu primo João Luis, depois minha prima Carmem Luiza, minha tia Isa e minha mãe.
Verdadeiras garotas propaganda das Sandálias Havaianas!

"As únicas que não deformam, não soltam as tiras e não tem cheiro!"

"Há mais de quarenta anos no mercado, as sandálias havaianas foram inspiradas nos calçados japoneses. Quando surgiram, em 1962, eram usadas mais por mulheres do que por homens. Na década de 70, com toda aquela revolução cultural, os homens despiram-se do preconceito e vestiram as sandálias. Na década de 80, ainda não passava pela cabeça de muitos que as Havaianas se tornariam fashion, mas, a década de 90, que retomou muita coisa dos anos 70 (quando as Havaianas eram cool) trouxe as sandálias de volta."

30.7.08

Palavras, lavras do pensamento

.
"A palavra em si já é precisa.
Às vezes nos revela o que ocultamos,
ai dizemos que é contraditória...
Que nada! Que história...
Ela desvenda as teias tecidas pela mente,
que mente a verdade que tem:

Palavras
Lavras do pensamento"
.

Colagem feita com fotografias de Nina Chiappetta Boeira.

Dicas sobre alimentação e emagrecimento

Alimentos que queimam calorias:

"Parar de comer para emagrecer é uma velha prática que não dá muito certo e ainda prejudica a saúde. Mas que tal fazer o contrário, comer para queimar calorias e de quebra mandar uns quilinhos embora? Não é magia, mas sim a propriedade de certos alimentos chamados de termogênicos.
- Quando digeridos, esses alimentos aumentam o metabolismo e a temperatura interna corporal. Com isso, queimam calorias e ajudam a emagrecer - explica o cardiologista especializado em nutrologia e medicina biomolecular Sérgio Puppin."

Alguns termogênicos:

Pimenta Caiena (pimenta vermelha): aumenta a circulação, melhora a digestão e aumenta a temperatura do corpo. Estudo realizado no Instituto Politécnico de Oxford mostrou que a pimenta caiena, aumenta o metabolismo em 20%. Este mesmo trabalho evidenciou ainda sua propriedade de retirar gorduras das artérias. Quantidade: 3 gramas ou 450mg (cápsulas), 2 vezes ao dia.

Gengibre: aumenta o metabolismo em 20%. Pode ser usada crua, refogada ou em forma de chá, 3 vezes ao dia.Outra opção é bater no liquidificador com aipo, laranja, maçã ou qualquer outra fruta. Pode também ser consumida em cápsulas de 500mg, 3 vezes ao dia, no entanto a melhor forma é ao natural.

Vinagre de maçã: Um “cocktail” de 1 1/2 colher das de chá na água, 2 vezes ao dia, inicialmente pela manhã, e posteriormente, durante uma das refeições, pode diminuir a circunferência abdominal em 2,5 cm em dois meses. Em quatro meses, 5 cm. Depois, o organismo “cria resistência” e é aconselhável interromper a seqüência a cada três semanas, descansando uma. Mulheres que apresentam infecção por monilia (cândida albicans), devem evitar o consumo de vinagre.

Ômega 3: Aumenta o metabolismo basal, ou seja, queima calorias. Elimina o excesso de “líquidos” e aumenta a energia do organismo. Além disso, funciona como antiinflamatório, previne e trata doenças cardiovasculares. Fontes: óleo de prímula, óleos de peixes(como salmão e sardinha), semente de linhaça (misturar duas colheres de sopa a vitaminas, salada de frutas, saladas etc).

Chá verde: Reduz a absorção de açúcar no sangue inibindo a ação da amilase (enzima responsável pela digestão de carboidratos). Diminui a compulsão por carboidratos, acelera o trânsito intestinal e aumenta o metabolismo, ajudando na queima gorduras. Beba diariamente 1 xícara de cinco a 10 minutos antes das refeições.

** Para fazerem efeito, os termogênicos devem ser introduzidos com regularidade no dia-a-dia.

Dicas:

-> "Há algumas medidas que queimam calorias sem nenhum sacrifício.
Por exemplo, água gelada!- Beber oito copos de água gelada por dia queima cerca de 200 calorias. Isto porque o organismo gasta energia para elevar a temperatura da água de 5ºC para 37ºc, que é a temperatura corporal interna - conta Sergio Puppin.
Ele acrescenta que pegar sol sem filtro solar até às 10 da manhã e após cinco da tarde, e dormir em um quarto bem escuro, libera o hormônio MSH (hormônio estimulador de melanócitos), que queima gorduras.
.
-> Faça cinco ou seis pequenas refeições ao longo do dia. Toda vez que você come, o corpo gasta calorias extras para digerir e metabolizar os alimentos ingeridos. E como sabe que vai receber o combustível necessário na hora e na medida certa, não tem motivos para estocá-lo em forma de gordura.
.
-> Conheça outros segredos revelados pela nutróloga Tamara Mazaracki:
• No café da manhã, prefira uma xícara de chá verde. E lá pelas 10 horas, tome um copo de chá mate.
• Ponha vinagre de maçã na salada, capriche no alho ao temperar e, quando o prato estiver pronto, pingue gotas molho tabasco.
• Um pedaço de coco no lanche da tarde é sempre bem-vindo. Não esqueça do cafezinho no intervalo entre as refeições e da canela na sobremesa.
• Acrescente 1 colher (de café) de guaraná em pó em qualquer item do seu café da manhã.


Leia também:
Magra para sempre com a dieta antiinflamatória
Dieta Já
/ Saúde / Feminíssima

Será?? Alguém já experimentou?
Vou imprimir e colar na porta da geladeira! :)
Preciso um jeito de emagrecer rápido, indolor e sem esforço!! Hohohoho!

Paisagens

No post anterior falei em paisagens que espero ver pela minha janela...
Por coincidência, li este texto e achei que deveria publicar aqui:
.

Contemplação

"Na minha ingênua ignorância pergunto se há mesmo um deus tão bondoso capaz de amar incondicionalmente. Não se trata de duvidar da existência de deuses, a dúvida e a ânsia consistem no desejo de conhecê-lo e a sua sabedoria...
As dores do amor torto que experimentei compelem-me ao desejo de um amor desprendido, perfeito: amar como se contempla uma paisagem...
Não se aprisiona uma paisagem numa gaiola, como o faz o admirador de pássaros; ao observar uma paisagem, não descaracterizamo-la como se faz com o gato enjaulado no conforto de um lar; apenas sentimos a contemplação, guardamos o sentimento do êxtase, os sentidos do fresco da brisa, do cheiro do mato, da umidade ou da secura do ar, do colorido movimentado, ou da monotonia das poucas cores forjadas na luz, do calor ou do frio, dos sons difusos, mas harmônicos...
Amar deveria ser assim como a contemplação, o apenas sentir e não o desejo de possuir... Amar como amava o poeta-guardador de rebanhos deitado na relva da simplicidade de apenas ser e estar com todos os sentidos ali... Empreste-me sua sabedoria poeta! "

“Se falo da natureza não é porque saiba o que ela é,
Mas porque a amo, e amo-a por isso,
Porque quem ama nunca sabe o que ama
Nem sabe porque ama, nem o que é amar
Amar é a eterna inocência,
E a única inocência é não pensar...”

29.7.08

Mãe e filha.

Em 1976 fui fazer a Faculdade de Direito em Santa Maria. Meu quarto era em tons de lilás e eu uma menina de 17 anos que gostava de contemplar o mundo pela janela. Dalí via a Rua Venâncio Aires, o casarão onde morava o Dr. Mariano, o relógio da Catedral, as pessoas sempre com pressa....

Em 2005 voltei lá e constatei que agora, quem andava depressa, na minha janela, era o tempo. Eu senti medo, mas não podia me permitir ir até a janela e chorar. Tinha que tomar conta de uma outra menina, mais bonita do que qualquer paisagem, vista de qualquer janela. Sentamos juntas, na frente do espelho, ficamos conversando, e, olhando nossa imagem refletida, me senti profundamente feliz.
O apartamento da minha "fase lilás" não existe mais. Foi vendido.
Já a menina, da janela do quarto lilás, continua dento de mim, por mais que os espelhos mostrem que ela está cada vez mais distante. E é ela, a "minha menina" quem sem vê, agora, na minha filha. Como um reflexo doce, de quem se identifica, de quem compreende, de quem ama.
Sei que ainda vou me deslumbrar em muitas outras janelas. Provavelmente algumas paisagens me convidem a sair. Talvez eu ainda sinta medo. Talvez sinta vontade de chorar.
Mas, qualquer que seja a paisagem e o tempo lá fora, ainda quero me olhar no espelho e não me perder de vista. Não perder a lucidez.
Me empenho em não repetir a história da minha mãe. Eu e ela nunca sentamos juntas, no espelho. Me dói, cada vez mais, olhar para ela e não a reconhecer. Eu, que passei a vida inteira tentando entendê-la!


Sobre a doença da minha mãe: Mãe1 / Mãe2 / Mãe3

Direto do Túnel do tempo

Meus pais, Donairo e Célia, em Porto Alegre, provavelmente no ano de 1963.

28.7.08

Aniversário da Bonnia!

Lindaaaa! Bonnita!! Tu mora no meu coração!!
Ando com saudades de tu, no Orkut!! :)


"Desejo que você seja livre, seja forte, seja você mesma.
Seja feliz, seja orgulhosa de ser mulher, seja amada e amorosa.
Viva entre flores, rodeada por águas correntes.
Viva ao calor do sol, respirando ar puro, nutrida pela luz da lua e das estrelas."



Achei estes desejos tão lindos... Não sei o autor, mas é o que desejo para a Bonnia!

27.7.08

Sinais


tempo de recomeços e reconstruções

O canto pacífico

.
"A maior entrega se faz quando me aninho mansamente no espaço macio entre o pescoço e o peito dele e apenas fico, sem necessidade de palavras.
Intimidade é o momento no qual silencio a mente (e o mundo) e repouso a cabeça na parte mais fascinante e suave do corpo masculino: o ombro do homem que amo."


Ouvindo My Way!!
(Vai abrir com o Windows Media Player)


Ilustração: Raquel Marín / Texto completo: Revista Criativa

1958-2008!

Meio século!

Achei interessante a resenha do livro "Feliz 1958: o Ano que Não Devia Terminar", de Joaquim Ferreira dos Santos:
"O lançamento da Editora Record, conta a delícia de ser brasileiro naquele final sorridente dos anos 50.
O Brasil foi campeão do mundo de futebol pela primeira vez.
João Gilberto lançou o 78 rotações com Chega de Saudade e deu o arremate final na Bossa Nova.
JK botou nas ruas o DKW-Vemag, o primeiro carro com 50% de suas peças produzidas aqui. Tudo deu certo.
O autor entrevistou personagens daquele ano, mergulhou nos arquivos de O Cruzeiro, ouviu fitas da Rádio Nacional e trouxe um perfil do período mais exuberante de nossas vidas neste século.
O Cinema Novo começava a produzir, mas a chanchada ainda demonstrava vigor em 17 filmes.
Zé Celso inaugurava a vanguarda do Teatro Oficina, mas o teatrão do TBC continuava em cena.
O Brasil embicava para a modernidade - Oscar Niemeyer traçava Brasília, o Jornal do Brasil realizava sua reforma gráfica -, mas convivia sem conflitos com o seu passado. Ao contrário de 1968, quando o pau quebrou e o ano não terminou, segundo a definição do livro de Zuenir Ventura, 58 foi tão harmonioso que não devia terminar nunca.
Adalgisa Colombo sagrou-se Miss Brasil revolucionando os concursos de beleza com uma ousadia que antecipava as mulheres dos anos 60.
Nas ruas do Rio, além das novidades da indústria automobilística nacional, o charme de uma cidade que vivia os últimos dias de capital federal.
Carmen Mayrink Veiga lembra os jantares à luz de velas no Country Club, os comentários dos colunistas sociais e a geladeira de estolas de vison na Casa Canadá, na Rio Branco.
Foi o ano do bambolê, da juventude transviada, da criação das fofocas da Candinha na Revista do Rádio, da vitória de Maria Ester Bueno em Wimbledon, do lançamento de Gabriela Cravo e Canela, de Brizola encampando a ITT e do rinoceronte Cacareco elegendo-se vereador nas urnas em São Paulo.
A democracia era plena, e Luiz Carlos Prestes, depois de ficar foragido por nove anos, reaparece no Noite de Gala, da TV Rio, entrevistado por Flávio Cavalcanti.
As perspectivas para 1998 não são as melhores, mas só a possibilidade de comemorar os 40 anos de todos esses acontecimentos levantados por Joaquim Ferreira dos Santos - e mais a chegada do rádio de pilha, do supercampeonato do Vasco, da presença de Ilka Soares entre as Certinhas do Lalau -, só por essa nostalgia já vale fazer como as vedetes do teatro rebolado de Walter Pinto (mais de 30 montagens naquele ano) e gritar: "Oba!"
.
->Tem uma relação imensa de acontecimentos deste ano no Site Ponteiro!

Lindo!

Não deixe de ouvir Nico Nicolaiewsky, cantando duas músicas que eu adoro, de um jeito diferente, inesperado. Sempre fico com vontade de chorar, de tanto que me tocam!

26.7.08

Cotidiano

Há tanto de significado em cada rotina, em cada canto de uma casa. As gavetas, as roupas no varal, o cheiro de bolo, sobras de comida na geladeira, listas de compras, folhagens para regar.
Sempre algum sonho, seja mudar de casa, pintar as paredes, trocar o forro do sofá. Há sempre um pouco de solidão em que faz tudo-igual-todo-o-santo-dia. Tanta repetição...
Um dia, quem sabe, mudar de vida. Não hoje, que é dia de faxina.
.
.
.

Muitas flores para a Mônica!

E para seus pais, meus amigos queridos, João Batista e Shirley Cachapuz!
Ela se forma, hoje, em Farmácia, pela PUCRS e eu desejo que a sua vida profissional seja de realizações e sucesso!

Idéias de decoração

Para quem, como eu, anda querendo mudar a (ou de) casa e reaproveitar alguns móveis, achei um blog cheio de inspiração: Sadie Olive. Tem muitas alternativas interessantes!
Adorei um roupeiro antigo que vira bar, os posts em que mostram as mudanças em sua casa, alguns antes&depois, as fotografias, os tons...
Linkei, para voltar sempre!

Te beijo

"Te beijo, mas mais que te beijar, te cheiro e o cheiro dos teus lábios atestam por onde andaram, impregnados dos meus desvios, das minhas fendas, dos meus líquidos.
Brinco leve de roçar meu lábio no teu, de me arranhar na aspereza do teu queixo, enfiar a língua entre teus dentes, morder tua pele macia e de olhos fechados pressinto teu suspiro de animal rendido e me afundo em tua boca, mapeio teus sulcos, invado teu pálato, sugo tua saliva, me esfrego em teu rosto e me ofereço para que me devores."

Cantoria!

Só para registrar, uma tarde deliciosa, em Bagé, na casa do meu amigo Jacinto!
Churrasco, lareira, amigos e muita música boa! Muito bolero! Heheheh!
Coração aquecido! Feliz!

25.7.08

Lentamente...


transpor / transgredir / transformar /transbordar

Ventania


Cabelos esvoaçantes e muito frio. Rio Branco, Uruguai.
Muitas lojas novas. O velho e irresistível queijo Conaprole também.
E panchos. Cerveja Patrícia. Chocolates... Bom como sempre.

*** Conheça este blog: Turismo e Aventura, com muitas dicas de viagens para o Uruguai.
*** Outros posts do Roccana sobre
Jaguarão e Rio Branco.

Detalhes


Tijolos antigos, detalhes de fachadas de casas (peças de demolição) e ladrilhos hidráulicos,
na Confeitaria Berola da UCPel.

Souvenirs


Trouxemos, das últimas viagens:
Bombom de Butiá "Kemper's" de Santa Maria e Vinho "Quinta dos Freitas", feito em Lavras.
.



Bombons: 55 33123922 / Vinhos: 55 99670954

Feliz aniversário, Pintinha!

Que todos os teus desejos - patifes ou não - se realizem!!

"eu adoro fazer aniversário. mesmo nas piores fases da minha vida, mesmo quando as coisas na mente e no coração estavam apenas "indo", ainda assim eu adorei fazer aniversário.
.

já passei este dia de todos os modos. viajando sem destino. trabalhando. na cama, doente. na cama, sã. fazendo 24 horas de festa. recebendo amigos. pagando mico. saindo sozinha. vendo 3 filmes seguidos. comendo uma torta especial de morango. caminhando em Buenos Aires.

os amigos vão me perdoar, mas este ano não tem festa. vou apenas sair por aí. porque de repente, aos 41 anos, me dei a liberdade de presente. e porque, apesar de cínica, cretina e patife, eu me sinto apenas: feliz.
.

de presente eu aceito quase tudo: beijo, abraço, cartão virtual, lembranças, desejos patifes, ticket-refeição. só não vale bife de fígado, perfume doce e, por favor, chateação."
.

(Entrei no Google, procurando uma foto da Márcia e achei um blog antiguinho, dela. Esqueci da vida, lendo tudo. O texto é deste blog.)

25 de julho, Dia do Escritor

Quando penso que uma palavra
Pode mudar tudo
Não fico mudo
Mudo

Quando penso que um passo
Descobre o mundo
Não paro passo
Passo

E assim que passo e mudo
Um novo mundo nasce
Na palavra que penso

Alzira Espíndola e Alice Ruiz

.*** Muitas entrevistas bacanas com escritores, escrivinhadores, escrevedores, poetas, aqui.

A propósito

Também quero uma festa surpresa.
Pronto. Falei.

24.7.08

Aniversário da Cema

Nas andanças dos últimos dias participei da festa surpresa da minha queridíssima amiga Cema, em Bagé. Muuuito bom!
Vejo meus amigos fazerem 50 anos e concluo que estão, todos, na flor da idade! Heheheh!

.
.

Caçapava do Sul

Por falar em Caçapava, além dos 573 quebra-molas sem sinalização agora colocaram 735 semáfaros! Hehehehe! É um trânsito caótico!
Cada vez que passo por lá fico injuriada - e tenho que passar, cada vez que vou a Lavras! Perco quase meia hora para percorrer poucos quilômetros e atravessar a cidade! Dá tempo de tirar fotografias e tudo! Heheheh!
É a terra da minha querida Renata, mas até ela anda lá, com suas queixas e reclamações!!

"Estrada de fazer o sonho acontecer"

Tenho estado ausente do mundo virtual e, confesso, ando com saudades de visitar os blogs com calma, ler os posts dos meus amigos, comentar... Só que a vida real anda me levando de um lado para outro! Mal desfaço as minhas malas, recomeça outra viagem!
Os últimos dias, passei na estrada! Cheguei a acordar e precisar de um tempo, para me localizar! Heheheh!
Foram vários quilômetros de planos, sonhos, reencontros, volta ao passado, abraços, chegadas, despedidas...
Cheguei ontem em Pelotas e hoje vou viajar, novamente. Vim deixar um beijo em quem passar por aqui.
Desta vez é coisa rápida, mas parte dos novos tempos, de uma vida nova que estou planejando.
A foto tirei na estrada Lavras/Caçapava do Sul. Meus sonhos e minha vida sempre passam por este caminho e meu olhar sempre se perde nesta paisagem... (E tudo permanece tão igual!)
.


"...você vai ter que encontrar
aonde nasce a fonte do ser
e perceber meu coração
bater mais forte só por você
o mundo lá sempre a rodar,
e em cima dele tudo vale
quem sabe isso quer dizer amor,
estrada de fazer o sonho acontecer"

Milton Nascimento

19.7.08

Aniversário do João Francisco


Que convite mais querido!!
Vou fazer o possível para ir a Lavras e comemorar este dia tão especial!
O João Francisco "herdou" a amizade, a admiração e o carinho que eu tive, a vida inteira, pelos seus bisavós, avós e pais!
É impressionante! Ele consegue ser bisneto do Seu Dante, da Dona Edith, do Dr. Walter, dona Emília, Dona Elma e especialmente do meu queridíssimo "Seu Martins", de quem ele também herdou o nome!
Sem falar dos avós, Fabian e Tânia e dos meus cumprades Alfredo e Olga! É uma amizade de loooonga data e esse guri tem um gene danado de bom! Heheheh!
Mas, o mais importante: ele é lindo! E tem pais que eu amo! A Flaiane (sobrinha) e o Camilo (afilhado) moram no meu coração!
.

Nas fotos, João Francisco no colo da mamãe, Flaiane,
e com as primas, Maria Luiza e Maria Júlia!

18.7.08

The fallen butiás out of my pockets!

Traduzindo: "Me caiu os butiá dos bolso!" Hehehehe!
:)
Esta expressão não significa, rigorosamente, coisa nenhuma! Quer dizer, é engraçada, mas completamente sem sentido!
Só que, aqui no Rio Grande do Sul, é usada para expressar espanto com algo inusitado. Simples assim. Sem plural nos butiá nem nos bolso!!
.

Estas fotografias, aí de cima, são do "Rancho da Cachoeira", casa dos meus avós maternos, Augusto e Electra. Foi lá que a minha mãe cresceu e era onde eu passava as minhas férias de verão. Quando eu tinha uns 5 anos meus avós se mudaram para a casa nova, que construíram num lugar próximo, e o rancho, de barro, existiu (ou resistiu) até pouco tempo. Bem perto tem uma pequena cachoeira "encravada" na pedra e era uma delícia tomar banho na água que se represava logo abaixo.

Sempre ia tomar banho lá, à cavalo, com meu avô. No trajeto incontáveis butiazeiros, com seus cachos alaranjados atraindo os pássaros e as abelhas. Lembro do zumbido nos meus ouvidos, do capim alto no chão e do forte calor, até cairmos na água!

O Vô Augusto era uma pessoa formidável e eu já sabia disso, desde sempre. Aproveitei cada segundo da sua companhia. Abria mão das férias em Lavras para ficar com eles, lá fora, mesmo durante a minha adolescência - época de bailes, namoros e outros atrativos, na cidade..

Ele fumava palheiro, contava histórias, não parava um segundo, a não ser para "sestear" depois do almoço. Tédio absoluto até ele acordar e começar tudo de novo.

Saíamos para campo, à cavalo e ele ia ensinando tudo. Sem simplificar, sem banalizar, de uma forma inteligente e fácil de entender.

Ele tinha uma carpintaria com todas ferramentas possíveis! Fazia brinquedos de madeira para mim e me deixava mexericar, desde que devolvesse cada instrumento para seu devido lugar. E fazia palitos! Desses de pôr em salgadinhos! Heheheh! Fabricava milhares deles, todos os dias um pouco depois do almoço e outro tanto depois do jantar! Presenteava os amigos, sempre!

Tinha uma horta linda! Plantava de tudo, de forma ordenada. Os canteiros retinhos, tudo brotando da terra preta e indo direto para a cozinha! Eu ajudava a regar, prestava atenção nas formigas e nas etiquetas cuidadosamente colocadas em cada tipo de verdura ou legume.
Tomates imensos, vermelhinhos, era o que eu mais gostava! Mas aprendi a gostar de quiabo, de vagem, alface, couve...

Meu avô "fabricava" extrato de tomate (era como ele dizia) e conservas de pimenta. Fazia linguiças e presunto defumado e eu adorava acompanhar todo aquele processo. E fazia "Butiazol" - uma espécie de licor com cachaça e butiá, claro!

Já a minha avó deixava eu dar milho para as galinhas e me ensinava a fazer manteiga. A comida era deliciosa! Tinha sempre muitas frutas e pão de casa! Saudade do chocolate quentinho que ela me levava na cama, de manhã!! Ah! E ela me contava histórias, que eu adorava. E aproveitava para dar conselhos! E recomendações!!

O Vô dizia "pode"! A Vó dizia "cuidado"!! Era ela quem impunha os limites, as regras! Hehehehe!
Nós fazíamos pandorgas (pipas), e eu via o vô tirar leite, e ele me ensinava sobre o barômetro, e termomêtro, e mercúrio, e satélites, e jogávamos damas, e colhíamos frutas e caminhávamos quilômetros na volta da casa naqueles dias intermináveis!! E, lá pelos meus 13 anos, o Vô me ensinou a dirigir e saíamos de fusca a visitar os vizinhos (adoráveis!) e eu era a pessoa mais feliz do mundo!!

Claro que me perdi e fugi completamente da história dos butiás! Ia contar que os butiazeiros estão com risco de extinção e que isso me fez lembrar da minha infância!
Outro dia conto mais. Tenho fotos da cachoeira, do rancho... Agora me deu um nó na garganta e uma saudade absurda de tanta coisa boa e da doce lembrança dos meus avós!!
.

Li, sobre o risco de extinção dos butiazeiros no Diário Popular:
"O butiazeiro integra a lista de espécies ameaçadas de extinção, conforme o Decreto Estadual 42.099/2003. A maior concentração da palmeira, que cobria toda a área limítrofe à Lagoa Mirim, era no município de Santa Vitória do Palmar. Hoje, a concentração da frutífera é bastante escassa, devido ao avanço de atividades agrícolas, como o arroz irrigado, e da pecuária. O butiazeiro (Butia capitata) é uma frutífera e se constitui em espécie nativa do Rio Grande do Sul. Seus frutos se prestam tanto para o consumo in natura quanto para o preparo de sucos, licores e sorvetes. A polpa do fruto possui em média 39,13 miligramas de ácido L-ascórbico (vitamina C) em cada 100 gramas. O ciclo, número de dias entre a floração e a colheita, é de aproximadamente 85 dias. A floração ocorre de novembro a março e a colheita dos frutos se estende de fevereiro a junho."


Mais histórias: Castigo

Batendo Água!

Orgulho enorme dos lavrenses Guto e Gujo!
Ouçam o público cantando a música inteira! É de arrepiar!
Estas músicas, ditas "nativistas", que o Gujo, o Marenco e o Guto compõem me fazem sentir verdadeiramente "parte" de um lugar e de uma família.
Orgulho enorme dos meus primos queridos!! (Falei neles num dos primeiros posts deste blog!)



Gravada no Teatro 7 de Abril, em Pelotas /Luiz Marenco/Participação Gustavo Teixeira!


"...Falta distância de pago
E sobra cavalo.
Na mesma ronda de campo
Que o céu deságua.
Quem tem um rumo de rancho
Pras outras quatro patas
Bota seu mundo na estrada
Batendo água!!
.
Porque se a estrada me cobra, pago seu preço.
E desabrigo o caminho para o meu sustento.
Mesmo que o mundo desabe num tempo feio
Sei o que as asas do poncho trazem por dentro.".


Gujo Teixeira: Página do Gaúcho / Orkut


Guto Teixeira: Orkut
.

Scrap

♬ ♪ ♩ ♭ ♪ Das coisas que têm me deixado feliz (V)...

O Joaquim escreveu, no Orkut:
"Fazer parte da tua vida e poder, modestamente, contribuir para a tua felicidade, é a minha felicidade e meu objetivo. O amor não se escolhe, mas, amar e ser amado, é um presente de Deus.
Eu estou muito feliz contigo.
Um beijo longo e sentido,
um abraço forte de amante, amigo, amado, amor."


Ilustração Raquel Marín

O meme dos 3


Achei as respostas de quem eu indiquei tão interessantes que decidi postar aqui:

Isa
"Pensei, pensei, pensei.
Demorei para chegar a uma conclusão.
Tudo que eu pensava parecia que era qualquer coisa, menos eu!
Mas acho que cheguei a algo razoavelmente honesto:

Minhas 3 alegrias:
1) Sentir a transcendência, a partir da arte, da poesia, da musica, da literatura, do silêncio, do mar, do azul. E poder trabalhar com isto!
2) Sentir como minha capacidade de amar aumentou depois que tive meus filhos, e poder compartilhar da alegria das crianças descobrindo o mundo, em especial o Pedro e o Gabriel.
3) Sentir que meu amor pelo Paulo se modifica, se intensifica a cada dia.
Os meus 3 medos:
1) Ter ferido alguem sem querer
2) De não ter dito suficientemente aqueles que amo como eles são importantes na minha vida
3) Ter sido injusta
As minhas 3 obsessões:
1) Ser fiel à minha própria verdade interna, do que eu acho verdadeiro e justo.
2) Transcender o cotidiano.
3) Trabalhar. E aprender sempre.
Meus 3 objetivos:
1) Realizar minha verdadeira missão de alma.
2) Manter a fé e acreditar sempre.
3) Cortar da minha vida tudo que não me serve.
3 fatos surpreendentes sobre mim:
1) Que não durmo uma noite inteira há seis anos (desde que o Pedro nasceu!)
2) Que consigo manter um blog, com tudo o que eu faço todos os dias!
3) Que acordo mais cedo todos os dias só para ter tempo de tomar chimarrão!"


Renata:
"Como sou muito ignorante e não sabia o que era meme, fui pesquisar sobre o assunto. Meme “é tudo o que se aprende por cópia a partir de uma outra pessoa. Desde coisas simples, como comer usando talheres, até ações mais complexas, como escrever textos excelentes em blogs. Resumindo ao máximo, alguém faz, você vê, gosta e copia. Outras pessoas vão ver você fazendo, também gostarão e copiarão. Desta maneira, a evolução de um meme é quase sempre viral e exponencial”. (Essa frase eu fiz um meme de um site por aí que esqueci qual é.)Minhas três alegrias:
1) Ser mãe
2) Ter consolidado um lar baseado no amor e no respeito
3) Conseguir enfim ser funcionária pública federal, hehehehehe (esse foi o mais "difícir"!)
Meus três medos:
1) Inverter a ordem natural das coisas onde filhos morrem antes das mães
2) Da força da natureza, ou seja, furacões, tsunamis, terremotos etc...
3) Ficar inválida ou alguém que eu ame ficar inválido
Meus três objetivos:
1) Criar meus filhos de modo que eles consigam ser pessoas de bem e realizados na vida
2) Ter saúde e conforto financeiro para aproveitar minha vida em todas as etapas
3) Escrever e publicar meus livros
Minhas três obsessões:
1) Pânico de incêndio e ventania (É mais forte do que eu! Fazer o quê?)
2) Mania de acender luzes indiretas e odiar iluminação direta ou lâmpadas fluorescentes brancas
3) Mania de analisar a decoração das casas por aí e modificar a minha a cada seis meses
Três fatos surpreendentes sobre mim:
1) Querer na verdade ter quatro filhos ao invés de dois como ficou decidido que será
2) Querer fazer doutorado quando meus filhos forem estudar fora
3) Ter carinha de 20, apesar de estar completando 30 anos daqui uns dias (hihihi. Esse foi brabo!)"

Cíntia
"me lembrei na minha época de primeiro grau, fazíamos aqueles questionários, nuns cadernos grandes, onde cada um respondia as nossas perguntas. o duda diz que aquilo só servia para uma coisa: sondar os guris e saber se eles tinham namorada e o que achavam da gente. não acho que fosse assim.
esses dias achei um antigo questionário meu. meu irmão era bem pequeno e respondeu. na pergunta 'o que achas de mim' ele escreveu 'gorda'. ahhh... essa minha mania de dieta deve ter uma raíz aí...
- as minhas 3 alegrias
1. a família
2. minha casa [quando está limpinha e arrumada!]
3. tomar café da manhã [amo essa parte do dia]
- os meus 3 medos
1. alzheimer... esquecer da vida
2. não ter tempo de fazer tudo antes de morrer
3. injeções
- os meus 3 objetivos,
1. ser feliz
2. fazer feliz
3. aprender a fazer cookies [essa é pra divertir mesmo. os maiores objetivos são os dois. mas é verdade: as receitas de cookies eu não consigo acertar]
- as minhas 3 obsessões
1. nunca deixo o volume no número 13
2. na fila do super eu arrumo as mercadorias que estão nas caixas trocadas, tipo bombons e chicletes...
3. checo meu e-mail a cada 20 minutos
- 3 fatos surpreendentes sobre mim.
1. eu tomo café sem açucar
2. durmo cedo
3. adoro acordar cedo"


Elza
"Para atender nossa amiga eu fiquei pensando em coisas profundas e cheias de significados, mas descobri que tem coisas prosaicas e simples como uma fatia de pão com manteiga ou uma borboleta voando que preenchem os requisitos do meme.
Assim, aqui estão minhas 3 alegrias:
Chegar em casa; ganhar um processo; ter dinheiro na conta corrente
Meus medos:
Ficar inválida; não ter meios de me sustentar; borboletas
Meus objetivos:
Escrever um livro; voltar ao mercado de trabalho; ver meus queridos reunidos na mesma sala e em paz
Minhas obsessões:
Meu Pai; pão fresco com manteiga; meus bichos
Fatos surpreendentes:
Não sei perdoar; não oro; ronco alto e forte"


______________________________________________


A Cíntia tem razão! Os memes parecem aqueles questionários da minha adolescência!
Tenho alguns, guardados! Este é de 1972, como dá para concluir das revistas prediletas: Capricho, Sétimo Céu, Grande Hotel, Ilusão, Supernovelas...
Entre as pessoas que responderam, está a Mariza Gomes, mãe do Gabriel Pillar.
Related Posts with Thumbnails