10.4.19

As divas... do tricô!!


Fotos surpreendentes!
Pela ordem: Katharine Hepburn, Doris Day, Sophia Loren, 
Brigitte Bardot, Liz Taylor, Marilyn Monroe, Grace ,Kelly, Twiggy e Audrey Hepburn!

8.3.19

28.2.19

Fevereiro/2019 no Galpão de Lata


"A casa onde moramos não deve ser, somente, uma casa bonitinha, confortável e agradável, ela tem que ser uma casa cheia de amor, um porto seguro. Um lugar que a gente jamais esquece, estando onde estivermos, simplesmente porque não tem lugar melhor no mundo do que o conforto e o aconchego do nosso lar.
Nunca podemos deixar faltar dentro da nossa casa o calor, a luz e a paz de espírito - toda a magia que encanta a vida, a alma e o nosso coração!"
Não sei o autor desse texto, mas suspeito que ele falava do Galpão de Lata! 

22.2.19

"Do lado de dentro de um sorriso"

Cris Guerra

"Se a gente parar pra pensar, é contraditório que o gesto humano de mostrar os dentes seja sinônimo de abrir uma janelinha da alma. O homem é o único animal que mostra os dentes em sinal de alegria. As outras espécies, em sua maioria, o fazem pra avisar que não estão de brincadeira. Há exceções, como o chimpanzé, que faz uma expressão parecida com a nossa pra demonstrar descontração – nada que possamos chamar de alegria. Nem mesmo a "gargalhada" da hiena, que tem um som de risada humana, expressa riso ou simpatia.

Por outro lado, não é por sermos racionais que a nossa alegria tem receita. A alegria de verdade não vem porque algo acontece. O sorriso aparece porque a alegria já está ali e pronto. Quem sabe o tempo ensine, mas não é pra qualquer um.

Talvez por isso seja difícil ficar alegre em datas comemorativas, essas que parecem "programadas pra gente sorrir". A alegria é uma transgressora nata: não aparece forçada, não responde a padrões e não está nem aí pra foto: adora envergar o corpo, bagunçar o cabelo e fazer careta. Certinha é a última coisa que uma alegria é. A arcada pode até ser alinhada, mas é no defeito que mora o selo de autenticidade de um sorriso: espontâneo, torto, escandaloso – se for perfeito estraga tudo.

A gente precisa aprender a reconhecer essa sensação no momento em que ela acontece, em lugar de só notar quando ela nos falta. E compreender, de uma vez por todas, que a alegria tem um quê de anarquista. Não quer dominar o mundo nem se mete na vida alheia. Não tem os olhos voltados para fora nem para o umbigo: tem os olhos fechados, de satisfação e prazer.

Melhor seria chamar quem está alegre de contente – veja você que palavra linda. Se o alegre é bonito, o satisfeito é meio esquisito e o feliz anda meio desgastado pelo uso, o contente diz tudo. Palavra plena, repleta, contida do suficiente.

De hoje em diante eu quero ficar contente todos os dias. Melhor que alegre, melhor que feliz. Olhar em volta e reconhecer: tenho motivos, sim. Sempre tenho."

 (Texto originalmente publicado na @vidasimples)


20.2.19

Salada de Pêssegos

Do Instagram da Mariana Kalil.
Ensalada de Durazno
pêssego grelhado, folhas verdes, queijo de cabra, 
pistache, cebola roxa e um molho vinagrete indescritível. 
Autor: @francismallmann

17.2.19

Leitura interessante



"Já estamos entrando na era da ciência quântica. Comece a entender:
O cansaço e as novas frequências:
O cansaço físico que estamos sentindo é devido às novas frequências eletromagnéticas inteligentes que estão chegando do Sol Central. Estas estão mexendo radicalmente em nossas estruturas físicas, emocionais e espirituais. Como se fôssemos apenas um aparelho de celular ligado a uma bateria de um imenso navio. Há muita energia vindo do mundo espiritual. Sendo assim, há a necessidade de estabilização.

O que fazer?
Mentalmente:
Vibrar em alta ressonância, de preferência na mais alta energia possível, a energia da gratidão, da compaixão, da generosidade, da benevolência e do compartilhamento mútuo das ideias.
Evitar julgamentos alheios, pois não sabemos realmente o que cada um veio passar nesta vida.
Elevar o pensamento para coisas nobres, ao invés de continuar compartilhando notícias fúteis e terríveis que teimam em multiplicar pela televisão e mídias sociais. Faça diferente, encontre coisas boas nas pessoas e nas situações, elas existem, mas estão sendo esquecidas.
Pare de reclamar e comece a agradecer, a gratidão é a energia que moldará o novo mundo. Quando um pensamento ruim vier, compreenda-o e imediatamente neutralize com outro superior e positivo.
Quando um problema vier a sua mente, transmute a informação, procurando imediatamente a solução e foque nesta. Mude o foco, encontre coisas belas em você, em seu comportamento, pare de se mutilar energeticamente, pois todos nós temos coisas boas e virtudes.
Fisicamente:
Fazer exercícios calmos e concentrados, emitindo, ao mesmo tempo em que os faz, ondas azuis para todos os locais onde sente supostamente dor, desconforto ou fadiga muscular, transformando um simples exercício de alongamento e fortalecimento em um exercício vibracional quântico intensificado.
Beber bastante água mineral, de preferência aquela que sai direto das pedras, pois traz fragmentos minerais puros do centro da montanha, rochas e cristais.
Evitar alimentos industrializados e com condimentos exagerados.
Coloque para dentro do seu corpo coisas bonitas, saudáveis e que possuem vida. Tomar sol e agradecer enquanto faz isso. Mergulhar na água do mar ou na água de rio corrente para entrar na frequência nova da Natureza.
Espiritualmente:
Prestar atenção na intuição, pois esta está chegando com força e é a primeira informação que chega do mundo espiritual para adentrar em sua mente. Ouvir uma música boa, aquela que faz os pelos do seu braço arrepiar, pois esta é capaz de produzir a ressonância com seu espírito.
Prestar atenção nas inspirações, pois elas vêm pura e simples, caso contrário, não conseguimos anotar o que é recebido ou fazer no exato momento em que ela chega, perdemos o contato e o espírito demora para trazê-la novamente. Inspiração é algo que seu próprio espirito lhe envia, não é um espirito terceiro ou uma amparador, é você mesmo em manifestação futura e dimensão divina tentando conversar consigo mesmo.
Relacionamentos:
Não precisa mais gritar com ninguém, seu coração já não suporta mais gritos e discussões, ele só quer harmonia e entendimento, a época dos sofrimentos terminou, quem ainda continuar nesta ideia passará por grandes provações. Se for preciso se posicionar, posicione-se e faça o que precisa ser feito.
Trabalho:
Seu espirito não está mais querendo fazer o que não faz sentido e não preenche o seu propósito de vida. Ele está forçando-o a entrar com força total no seu centro de sinergia, aquele que sintoniza com as forças que vêm do Universo. Se não mudar ou melhorar sua relação com seu trabalho, sua vida vai ficando cada vez mais vazia, mesmo que através dele receba bastante dinheiro, nada disso poderá dar um sentido real para a sua existência daqui em diante.
Não se preocupe em encontrar o novo mundo, ele não é um lugar, mas sim uma frequência, um estado vibracional em que todos podem estar, se assim o desejarem."
Luiz Pimenta

* Física quântica é um ramo teórico da ciência que estuda todos os fenômenos que acontecem com as partículas atômicas e subatômicas, ou seja, que são iguais ou menores que os átomos.

Meditando...


15.2.19

Sobre desapego

"Ninguém consegue ser feliz 
com um armário cheio de roupa que não entra mais!" 
"Que roupa te traz alegria? Você sabem que roupa pode expressar muita coisa... Pode fazer a gente mudar de humor, se sentir bem, trazer confiança ou aumentar nossa insegurança. Mas já parou pra pensar mariekondoneamente? A roupa que você usa te deixa feliz? As vezes a gente se prende tanto no estar bem vestida. Estar adequada. Estar isso ou aquilo e esquece a sensação maravilhosa que é usar roupa pela qual a gente é verdadeiramente apaixonada. Você preferem ter um guarda roupa inteiro cheio de peças que não amam ou um guarda-roupa enxuto só com peças que fazem seus olhos brilharem? 

Quando a gente foca em poucas peças que a gente ama ao invés de um guarda roupa cheio de nada a gente consegue pensar em investir mesmo não estando com o corpo ideal (Grande sabotador das mulheres não quererem investir no agora e sempre jogar pra depois). Ninguém consegue ser feliz com um armário cheio de roupa que não entra mais, então minha dica é: tira essas roupas de vista e fica só com o que fica bem. Já é um super passo, você já vai conseguir olhar muito melhor pro que tem e ficar mais contente ai escolher a roupa pela manhã. Vamos fazer um desafio? Separe suas roupas que ficaram por categoria “amo muito”, “amo médio”, “nem amo tanto”, “não sei porque isso tá aqui ainda”. Depois deixa por mês só o que ama muito e ama médio. E guarda fora do guarda roupa em caixas o que ficou e só vá em busca se sentir falta. Como será que vai ser sua vida usando as roupas só o que te deixa feliz? Louca pra saber!"

(Fotos do Google Images.)



A melhor dica:
"Separe suas roupas que ficaram por categoria “amo muito”, “amo médio”, “nem amo tanto”, “não sei porque isso tá aqui ainda”. Depois deixa por um mês só o que ama muito e ama médio. E guarda fora do guarda roupa, em caixas, o que ficou e só vá em busca se sentir falta."
 

Né?


Cultura


“Cultura é tudo aquilo de que a gente se lembra após ter esquecido do que leu. 
Revela-se no modo de falar, de sentar-se, de comer, de ler um texto, de olhar o mundo. 
É uma atitude que se aperfeiçoa no contato com a arte. 
Cultura não é aquilo que entra pelos olhos, é o que modifica seu olhar.” 


José Paulo Paes / Imagem do Pinterest

Anavó


Henrique e Elisa

Morro de saudades da minha duplinha!
Adoro quando recebo fotos e vídeos!

Kike no 4º ano!


Como não amar?? ♥

Ver o dia amanhecer





Bênção / Viagem / Gratidão

14 de fevereiro de 2019.

14.2.19

Valentine’s day
"Amar é mergulhar em um olhar que não te afoga, é transformar um abraço em um abrigo, é morar em alguém que, mesmo com seus defeitos e diferenças, não te assusta."



Feliz dia!


Amor bom é amor correspondido


A melhor coisa do amor, é viver uma relação profunda, intensa e duradoura.
É confiar. Compreender.
É ser a melhor companhia, um do outro.
É fazer planos e sonhar juntos.
É não ter a menor dúvida de que estamos com a pessoa certa.
É ter vontade de beijar. De olhar. De ficar pertinho.
É querer que dure pra sempre. 
E seja sempre assim.


Imagem do Pinterest.

11.2.19

Dupla comemoração

Turma de Lavras presente: Cássio, Waguinho, Ricardo Raimundy e Ricardo 
se encarregaram de preparar o churrasco. 
Euzinha, Large e Cláudia no controle de qualidade! kkkkkk

Foto de Roberto Haas.
O fogo de chão, a bandeira do Rio Grande, a carne de ovelha...
Pura tradição, numa festa à beira mar.

Muitos elogios aos assadores!

Rodrigo e Ronaldo, os aniversariantes.



7.2.19

Um refúgio

Delícias do verão




Coragem!


Para ilustrar esta afirmação, texto da Mariana Kalil:

"Podemos levar uma vida inteira até adquirir alguma noção de quem somos e onde é que nos encaixamos e me incomoda uma trajetória linear, sem solavanco. Já fui muitas Marianas em uma só: com dinheiro aplicado, previdência privada e também sem um tostão na carteira e no banco. Tive caminhonete e bicicleta; andei de salto e chinelo de dedo; o cabelo já foi bem curto e bem comprido; joguei handebol, vôlei, tênis, tive personal trainer e instrutor de yoga hindu. Cada movimento, cada convivência e conhecimento adquiridos com diferentes lugares e pessoas possibilitou que encaixasse mais uma pecinha no meu quebra-cabeça. Para tudo isso foi preciso apenas uma coisa: #CORAGEM – e é para a tatuagem “coragem” escrita em árabe no meu pé esquerdo que olho a cada manhã ao levantar da cama. A palavra coragem surgiu originalmente do latim “cor”, que significa “coração”, e a definição original da palavra era “contar a história de quem você é com o coração”. Não é lindo? Coragem significa ser quem a gente é e nos expressarmos assim, apesar do que o mundo possa pensar a nosso respeito. Significa defender aquilo em que acreditamos, correr atrás dos sonhos, lutar pela nossa liberdade. Coragem não significa a ausência do medo, mas a ação apesar dele. Como já escrevia Guimarães Rosa, a vida “esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem”.


Para emoldurar e agradecer...


4.2.19

3.2.19

Dia de Rodeio

 "9° Rodeio Aberto NCCC de Lavras do Sul  /01 a 03 de fevereiro de 2019".
Acampamento do Dedé e Edinara&Família!
Churrasco e Cantoria!
Espetáculo!

Print da pagina da Edinara, no Facebook.
Feliz com o elogio!


"No endereço da armada 
Vem a destreza do braço!"

Ricardo Haas




Adoro ver o Ricardo laçar!
 Lindo demais!

2.2.19

Questão de sobrevivência


"O exercício tem que ser diário.  
Desconecte-se. 
Desprenda-se. 
Deixe ir. 
Quem não te faz bem não tem porque ficar.  
Faça o que a sua intuição manda e
afaste-se de tudo que não estiver alinhado  aos teus valores e tua energia. 
No fundo a gente sabe quem vibra na mesma sintonia.  
Quando algo nos incomoda, o melhor a fazer é eliminar.  
Permanecer em contato 
é o mesmo que tomar veneno em doses homeopáticas todos os dias."

Renata Miranda 



Ideias para decorar a lavanderia

Nas foto:, cestos, papel de parede, plantas, lustres, revestimentos, tapetes...


Porque a lavanderia não precisa ser escura, feia e bagunçada!

Ai, ai...




1.2.19

Criativo!

Link

Será que precisamos de mais roupas do que as que cabem nesse cabide??


Método Marie Kondo para atualizar o seu guarda-roupa

KonMari

1. CATEGORIZE
O primeiro ponto do método KonMari, como também é chamado, explica que você deve separar a organização em categorias. Verdade, "roupas" já é uma categoria por si só, mas você pode ainda fazer subdivisões, como "vestidos", "roupas de inverno" e "acessórios", principalmente se você tiver uma quantidade muito grande de coisas dentro do armário.
Depois de feita essa categorização, ou se você preferiu colocar todas as suas roupas numa categoria única, é hora do primeiro passo: tire absolutamente tudo de dentro do guarda-roupa e faça uma pilha em cima da cama ou no chão. Sim, a ideia parece meio louca e dá a impressão de que vai criar ainda mais bagunça, mas esse é o ponto mais importante de todo o método e que dá o start em você repensar as coisas que têm - além de facilitar o momento desapego!
2. FAÇA O TESTE DA ALEGRIA
Todo o método de Marie Kondo se baseia em uma premissa básica: manter em casa apenas aquilo que te traz alegria. Mas, como fazer isso? Simples: sabe a pilha de roupas do item anterior? Então, você vai pegar uma por uma dessas peças nas mãos e perguntar a si mesma se ela traz alegria ou não, se ela te faz feliz ou não. Seja sincera e objetiva! Ao menor sinal de dúvida, melhor colocar o item na pilha de descarte.
3. AGRADEÇA
Entra aqui a segunda parte do que faz essa metodologia tão diferente das demais: se uma peça não vai mais fazer parte do seu guarda-roupa, se ela não passou no teste da alegria, é hora de agradecer por ela antes de colocá-la na sacola de doações ou revendas. Agradeça por aquela peça e seja delicada na hora de colocá-la nesta pilha - ela fez parte da sua história e merece ser tratada com carinho por isso (mesmo que tenha sido usada pouquíssimas vezes!).
4. EVITE A NOSTALGIA
O legal de jogar tudo em uma pilha é que fica fácil perceber como acumulamos coisas ao longo do tempo. Porém, isso não deve ser substituído com uma viagem pelo túnel do tempo, em que a objetividade fica de lado. Evite a nostalgia e se perder em lembranças de roupas que têm algum apego sentimental. Lembre-se que, se não tem uso para você hoje, o melhor a fazer é agradecer e descartar aquela peça - principalmente se é uma que você ganhou da sua mãe aos 15 anos e não usou mais desde então.
5. DOBRE DO JEITO CORRETO
Acredite, você nunca mais vai querer dobrar as roupas de outra maneira depois de aprender este: o principal é dobrá-las verticalmente, primeiro ao meio e depois em terços. Isso faz com que as roupas virem "pacotinhos" que você consegue guardar lado a lado no armário e que facilita a visualização de tudo - ou seja, não só você só tem roupas que te trazem alegria no armário, como também consegue ver tudo o que está ali!
6. PENDURE AS ROUPAS EM UMA "CRESCENTE"
Outra dica de Marie Kondo é prestar atenção na hora de pendurar as suas roupas. A ideia é fazer uma crescente, da esquerda para a direita. Isso significa que você coloca peças mais pesadas, como casacos, ou mais compridas, de cores escuras e de materiais mais grossos, do lado esquerdo do armário, e as mais leves do lado direito. Segundo a profissional, isso cria um ideal visual para os olhos e também ajuda a acalmar a mente.

alegria e gratidão -




Que seja bom!

31.1.19

Janeiro/2019 no Galpão


Passei só a primeira quinzena de janeiro no Galpão. 
Muito calor e muitos dias de chuva! Quase 500 milímetros nesses primeiros dias do ano!
E falta de luz, TV queimada, goteiras, mofo! Impressionante!
Mas os campos, verdinhos, mostram o lado bom de tanta chuva!
As seis fotos da direita, embaixo, foi o Ricardo quem mandou:
 arrumação dos telhados, consertos e pinturas...
Muito trabalho pela frente!

Calor, calor, calor!!

"Ah, as férias de verão! 
Sol, vontade de morar na praia, na piscina, 
no quintal, na rua, no chuveirão... 
Até na pia da cozinha tá valendo."


Vim passar duas semanas em Pelotas, para ficar com o Kike, que está de férias.
Acontece que a temperatura não baixou dos 30 graus, nem de noite! Coisa absurda!
Ficamos de preguiça, só no ar condicionado 
ou tomando banho no chuveiro do pátio! kkkkk!
Comidinhas, sorvetes, cerveja gelada, passeios no shopping e muita diversão!

Related Posts with Thumbnails